Como elaborar um Planejamento Estratégico

“A melhor maneira de prever o futuro é criá-lo.” – Peter Drucker


O Brasil é um dos países mais empreendedores do mundo. Cerca de 70% dos brasileiros têm ou desejam ter um negócio próprio, contudo, a maioria não está preparada para administrá-lo com efetividade, não tem clareza de seus objetivos e ações e acaba se aventurando numa operação desconhecida. Essa é a principal razão do alto índice de empresas que não conseguem crescer.


Os fatores críticos para ter sucesso nos negócios é conhecimento, planejamento e gestão, e é justamente o conjunto de competências que mais falta para o empreendedor brasileiro, que espera crescer para depois se organizar e acaba sem os dois.


O Planejamento Estratégico facilita a estruturação das ideias sobre o crescimento da empresa, define os seus objetivos, o caminho a ser percorrido e as ações a serem desenvolvidas, promovendo, portanto, uma visão ampla e sistêmica de aonde pretendem chegar, contando com a integração da equipe, tudo de maneira organizada.


COMEÇANDO O PLANEJAMENTO


Se você é daqueles que acreditam que o dia tem poucas horas, comece organizando a sua agenda e delegando o que for possível para conseguir algum tempo para se dedicar também à estratégia de crescimento da sua empresa e não somente à operação. Isso é fundamental, pois nem todos que começam conseguem dividir seu tempo.


Em seguida, é fundamental identificar as fraquezas que precisam ser superadas, bem como as forças que podem ser intensificadas, utilizando a tradicional ferramenta “SWOT”, além de outras como “PESTALE” e “5 Forças de Porter” para analisar também as oportunidades e ameaças do ambiente em que seu negócio está inserido.


Com isso, fica claro para todos envolvidos o “quem somos” e “de que precisamos”. Em seguida, será o momento de ter clareza também sobre “o que desejamos” e “o que e como faremos”.


DEFININDO OBJETIVOS E METAS


Defina objetivos para todas as áreas da sua empresa: financeira (aumentar o faturamento e o lucro), comercial e marketing (melhorar posicionamento, aumentar as vendas e a fidelização), processos (inovar a maneira de desenvolver as atividades), RH (capacitar e motivar a equipe) etc. Eles são qualitativos, o que facilita a estruturação do mapa estratégico.


Em seguida, defina também as metas, de forma bem específica e mensurável, e seus indicadores, que facilitarão o monitoramento e a análise dos resultados.


DEFININDO AÇÕES


Agora que você já sabe de quais resultados a empresa precisa, defina as ações a serem distribuídas e desenvolvidas para alcançá-los. Elaborando um plano, será possível identificar o que precisa ser feito, quem fará, quando será realizada a ação etc., de modo que seja possível acompanhar com facilidade as etapas da execução e os resultados obtidos.


Como qualquer grande construção, o sucesso do seu negócio depende de um projeto bem elaborado.

Se tiver dúvida, agende um bate-papo gratuito conosco!


Acesse whats.idecorp.com.br.


Aproveite para conhecer nosso software para gestão de pessoas. Acesse rhgestor.online.


James Warley

consultoria@idecorp.com.br


 

Curta e compartilhe as nossas dicas. Assine a nossa lista e receba orientações gratuitas do Idecorp em primeira mão.


#resultado #consultoria #dinheiro #acelerae #maisresultado #institutoidecorp #jameswarley #planejamentoestratégico #planejamentoestrategico #vendas #idecorp #sebrae #projetos #qualidade #produtividade #excelencia #empreendedorismo #empresa #marketing #liderança #lideranca

520 visualizações

Posts recentes

Ver tudo